Vida de professor da rede pública

Súplica Cearense

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

DESCOBRIMENTO DO BRASIL

COLÉGIO ESTADUAL RUBENS FARRULLA
Atividade para o 1º Ano.
Hoje a Internet é uma excelente ferramenta de trabalho, não só para os professores como também para os alunos.
Existe na rede, uma infinidade de sites, blogs, fóruns, salas de bate-papo e uma infinidade de outros recursos, que podem e devem ser utilizados para fins didáticos.
E nessa atividade, sobre o Descobrimento do Brasil, utilizaremos o fórum da rede social, o Ning, do Café História.
E o que é isso? O Ning é uma plataforma on-line que permite a criação de redes sociais individualizadas. Cada usuário pode criar a sua própria rede social e aderir a redes de usuários que partilhem os mesmos interesses. Ao contrário de redes generalistas como o Hi5 ou Facebook, que condicionam a rede social à interação pessoal, o Ning permite o compartilhamento de interesses específicos.
A nossa atividade consistirá em visitar essa rede, mas especificamente o fórum sobre o “Descobrimento” do Brasil e após analisar a principal questão e as que vieram posteriormente, isto é, as respostas dadas, elaborarmos as nossas próprias respostas e comentá-las no nosso blog, permitindo assim ampliar as discussões, mas agora dentro do âmbito da turma.
A questão principal é a que foi postada, na rede, pela professora Sonia Regina Lomardo no 22 abril 2009.
“Gostaria de colocar o tema: Portugal descobriu o Brasil ou tomou o país de seus legítimos donos que foram usurpados, maltratados, escravizados? Uma terra só é descoberta quando é inabitada, como se fora uma casa. Uma casa com moradores jamais poderá ser invadida por quem quer que seja...e assim foi com o Brasil. Se nesta terra havia habitantes como outro país se arvora há 500 anos como "descobridor"? Que comemoração deve ser feita no dia de hoje?Ou seria lamentação?”
A página do site é: http://cafehistoria.ning.com/forum/topics/o-descobrimento-do-brasil
Agora, juntamente com as reflexões que foram respondidas e/ou colocadas sobre o tema, façam as suas e respondam nos comentários, até os dias: 21 (Turmas: 1001 e 1002) e 22 (Turmas: 1003 e 1004) de setembro.
Valor 2 pontos.
Um grande abraço.
NÃO DEIXEM DE PARTICIPAR E BOM TRABALHO.

Um comentário:

F.writter disse...

Fui procurar a palavra descobrir no dicionário e achei essa definição "3. Encontrar pela primeira vez" e como exemplo logo após estava escrito "Cabral descobriu o Brasil".
Devo dizer que não gosto muito de Portugal pois acho que sua forma de colonizar nossa terra é uma das principais razões para nosso país estar assim, e fico pensando se fossemos colonizados pelos ingleses nossa historia seria diferente.
Mas ao olhar a definição de descobrir no dicionário Aurélio eu vejo que a palavra não está errada, descobrir significa encontrar pela primeira vez, então podemos dizer "Cabral encontrou pela primeira vez o Brasil" acho que ficou melhor!
Agora quem era o dono da terra? Na minha opinião ninguém! Os índios são uma civilização que sempre se encontra no meio da mata, ela não povoa as regiões litorâneas e seus costumes eram, digamos, um pouco selvagens. Dizer que os portugueses maltrataram, escravizaram e usurparam dos indígenas é muita coisa. Podemos dizer que eles tentaram, conseguiram em alguns, mas mesmo sendo "selvagens" os índios não eram burros. Porém olhando o lado dos índios eu diria que eles tiraram a sorte grande pois os colonizadores da América do Norte praticamente exterminaram seus índios e vendo por esse lado eu prefiro Portugal como colonizador!
Para terminar devo citar o que alguém no Ning falou "Alguém já tentou reescrever a história geral a partir da visão dos povos nativos da América ou da África?"
Eu devo dizer que ele está certo. Nossos livros estão na visão eurocêntrica e na mente dos europeus eles realmente "encontraram pela primeira vez" o Brasil. Mas como nossos índios não deixaram registro dessa (e de outras) historia(s) não tem como saber o que eles pensaram.
Mas citando outra frase da mesma pessoa essa questão "é tão relativa quando irrelevante". Essa é a nossa data, nossa historia, se não concordar vire Asiático, pelo menos lá os Portugueses não tocaram.

Felipe Soares, nº: 49
1004